ACESSE GRATUITAMENTE + DE 450.000 QUESTÕES DE CONCURSOS!

TJPA convoca candidatos aprovados em concurso público

Cem candidatos aprovados no certame para o provimento de vagas e cadastro reserva em cargos de Nível Superior e Médio

Cem candidatos aprovados no Concurso Público para o Provimento de Vagas e Cadastro Reserva em Cargos de Nível Superior e Médio do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) foram convocadas nesta quarta-feira (28), dia do Servidor Público Estadual, conforme a Lei nº. 5.810/94. O primeiro edital de convocação da gestão do biênio 2019/2021, que tem à frente o desembargador Leonardo de Noronha Tavares, está publicado no Diário de Justiça. As convocações estão alinhadas com a iniciativa Fortalecimento da Gestão do 1º Grau de Jurisdição, do macrodesafio Instituição da Governança Judiciária, e com o macrodesafio da Melhoria da Gestão de Pessoas, previstos no Plano de Gestão.

Os candidatos convocados deverão enviar a documentação digitalizada, em formato pdf, conforme as orientações do edital para o e-mail admissao.dap@tjpa.jus.br e comparecer no período de 28 de outubro a 18 de novembro, no horário de 8h00 às 14h00, mediante prévio agendamento telefônico, à Divisão de Administração de Pessoal do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) , situada à rua Doutor Malcher, s/n, esquina com a travessa Félix Roque, na Cidade Velha, em Belém. Na ocasião, deverão ser apresentados os documentos originais para validação (não serão aceitas cópias simples ou autenticadas). O convocado deverá agendar o horário e a data de entrega da documentação nos telefones (91) 3252-8021 e 3252-8022.

Também até dia 18 de novembro, mediante prévio agendamento telefônico junto ao Serviço Médico, Serviço Odontológico e Serviço Psicossocial, o candidato será submetido à inspeção médica realizada pela Junta de Saúde do TJPA para apresentação de laudo médico, de sanidade física e mental, além dos exames laboratoriais e complementares, que correrão às expensas do candidata, conforme o edital. O não comparecimento do interessado no prazo previsto acarretará a eliminação no concurso e a perda da vaga do referido cargo. Os contatos do Serviço Médico, do Serviço Odontológico e do Serviço Psicossocial estão disponíveis do edital convocatório.

De acordo com a Secretaria de Gestão de Pessoas do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA), a partir da apresentação dos candidatos, será possibilitada a remoção de 119 servidores, entre analistas judiciários, oficiais de justiça e auxiliares judiciários. O edital convocatório foi publicado após homologação pelo Tribunal Pleno, em sessão realizada em 14 de outubro. No total, foram aprovados e classificados o total de 3.962 candidatos. Exatos 57.548 candidatos participaram do certame que teve início em 19 de janeiro de 2020. Provas foram realizadas nas Comarcas de Altamira, Belém, Marabá, Paragominas, Redenção e Santarém.

Em virtude da necessidade de isolamento social para o combate à pandemia do novo Coronavírus, o concurso teve etapa suspensa por cerca de cinco meses e foi retomado em agosto deste ano, sendo observadas as diretrizes e as orientações das autoridades sanitárias de prevenção à Covid-19, a fim de resguardar a segurança e a saúde dos envolvidos.

Organizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), o concurso público foi aberto na gestão do desembargador presidente Leonardo Tavares com oferta de 200 vagas em 16 Regiões Judiciárias do Estado. A remuneração dos cargos de nível superior é composta por vencimento básico no valor de R$ 4.066,70 e gratificação de nível superior no valor de R$ 3.253,36. Além da remuneração, ao cargo de nível superior de Oficial de Justiça Avaliador é concedida gratificação por atividade externa no valor de R$ 1.553,00. Para os cargos de nível médio, a remuneração é de R$ 3.207,90. A jornada de trabalho é de 30 horas semanais. Sob coordenação do juiz auxiliar da Presidência, Geraldo Neves Leite, a Comissão é integrada pelos servidores Hellen Geysa da Silva Miranda Brancalhão (secretária), Jean Karlo Quintera de Souza, Patrícia Rodrigues de Lemos Amorim e Diego Baptista Leitão.

Concorrência
Exatos 57.548 candidatos ao concurso público para o provimento de vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de nível superior e de nível médio do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA). O número total de faltosos foi de 12.302. Pela manhã, ocorreram as provas referente aos cargos de nível superior. Neste turno, houve o registro de 22.543 candidatos presentes. O número de abstenção pela manhã foi de 5.095 ausentes, cerca de 18,43% dos inscritos para os cargos de nível superior. Pela tarde, compareceram ao certame 35.005 candidatos que concorrem aos cargos de nível médio. O número de abstenção pela tarde foi de 7.207, um total de 17,07% dos inscritos para esses cargos.

Os números são do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), responsável pela organização do concurso. As provas foram realizadas nas Comarcas de Altamira, Belém, Marabá, Paragominas, Redenção e Santarém. Para os cargos de nível superior, as provas foram objetivas e discursivas, com início às 8h e duração de 5 horas. Já as provas somente objetivas foram para os cargos de nível médio, que tiveram duração de 3 horas, com início às 15h. Para as provas, foram providenciadas 1.521 salas, 594 para o turno da manhã e 927 para o turno da tarde.

Marabá registrou o maior percentual de abstenção entre os municípios onde houve a prova. Foram 3.016 inscritos pela manhã, com o registro de 715 ausentes (23,71%). Pela parte da tarde, foram 4.745 inscritos e 984 ausentes (20,74%).

Em Belém, pela manhã, foram 19.520 inscritos, com a ausência de 3.442 (17,63%). Pela tarde, foram 27.078 inscritos e 4.614 ausentes (17,04%). Em Altamira, pela manhã, foram 593 inscritos, com o registro de 92 ausentes (15,51%). Pela tarde, foram 1.777 inscritos e 228 ausentes (12,83%). Em Paragominas, foram 477 inscritos pela manhã, com abstenção de 72 (15,09%). Pela tarde, foram 1.123 inscritos 186 ausentes (16,56%). Em Redenção, foram 1.574 inscritos pela parte da manhã, com 355 ausentes (22,55%). Pela parte da tarde, foram 2.247 inscritos e 409 ausentes (18,20%). Já em Santarém, foram 2.458 inscritos pela manhã e 419 ausentes (17,05%). Pela parte da tarde, foram 5.242 inscritos e 786 ausentes (14,99%).

Pela manhã e à tarde, os membros da Comissão do Concurso de Servidores do TJPA acompanharam os trabalhos, sob coordenação do juiz presidente da Comissão, Geraldo Neves Leite. O magistrado ressaltou que o certame ocorreu conforme o esperado pela Comissão e o Cebraspe. “São mais de 69 mil candidatos inscritos para 200 vagas para os cargos de analista judiciário e auxiliar judiciário do Tribunal de Justiça do Pará. Começamos os trabalhos pela Unama da Alcindo Cacela, em Belém, o maior local de prova do certame, com cerca de 6 mil candidatos. Tudo transcorreu dentro da normalidade, o que é positivo”, afirmou.

Também acompanhou as provas a representante da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Pará (OAB-PA), Luna Freitas. A advogada integra a Comissão do Concurso de Servidores do TJPA. “A gente percebe que não há maiores intercorrências. O concurso transcorreu com a maior lisura possível. Estou aqui desde o início da manhã acompanhando a organização. Uma megaestrutura foi montada pelo Cebraspe e todos os membros da organização estão bem engajados e treinados para resolver qualquer situação do concurso”, destacou.


Publicado em: 03/10/2021 20:29 - Última modificação: 17/03/2021 20:29

Outros Destaques:

Concurso Embasa terá 850 vagas e já tem banca organizadora definida
Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios deve abrir 111 vagas
Prefeitura de Sinop (MT) reabre concurso público e faz retificações
Concurso público do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) é retomado
Concurso público de Lucas do Rio Verde (MT) será retomado
Prefeitura de Rodeio(SC) oferece oportunidades de cadastro reserva
⇑ TOPO

 

 

 

Salvar Texto Selecionado


CONECTE-SE

Facebook
Twitter
E-mail

 

 

Copyright © Tecnolegis - 2010 - 2022 - Todos os direitos reservados.