ACESSE GRATUITAMENTE + DE 450.000 QUESTÕES DE CONCURSOS!

Comentários / Ministério Público da União - Analista MPU - Apoio Técnico e Administrativo - Atuarial - CESPE - UnB - 2015 - Prova Objetiva


Texto II

1                        A persecução penal se desenvolve em duas fases:
               uma fase administrativa, de inquérito policial, e uma fase
               jurisdicional, de ação penal. Assim, nada mais é o inquérito
4              policial que um procedimento administrativo destinado a reunir
               elementos necessários à apuração da prática de uma infração
               penal e de sua autoria. Em outras palavras, o inquérito policial
7              é um procedimento policial que tem por finalidade construir
               um lastro probatório mínimo, ensejando justa causa para que
               o titular da ação penal possa formar seu convencimento, a
10             opinio delicti, e, assim, instaurar a ação penal cabível. Nessa
               linha, percebe-se que o destinatário imediato do inquérito
               policial é o Ministério Público, nos casos de ação penal
13             pública, e o ofendido, nos casos de ação penal privada.
                         De acordo com o conceito ora apresentado, para que
               o titular da ação penal possa, enfim, ajuizá-la, é necessário
16             que haja justa causa. A justa causa, identificada por parte da
               doutrina como uma condição da ação autônoma, consiste na
               obrigatoriedade de que existam prova acerca da materialidade
19             delitiva e, ao menos, indícios de autoria, de modo a existir
               fundada suspeita acerca da prática de um fato de natureza
               penal. Dessa forma, é imprescindível que haja provas acerca da
22             possível existência de um fato criminoso e indicações razoáveis
               do sujeito que tenha sido o autor desse fato.
                         Evidencia-se, portanto, que é justamente na fase do
25             inquérito policial que serão coletadas as informações e as
               provas que irão formar o convencimento do titular da ação
               penal, isto é, a opinio delicti. É com base nos elementos
28             apurados no inquérito que o promotor de justiça, convencido
               da existência de justa causa para a ação penal, oferece a
               denúncia, encerrando a fase administrativa da persecução
31             penal.

Hálinna Regina de Lira Rolim. A possibilidade de investigação do

Ministério Público na fase pré-processual penal. Artigo científico.

Rio de Janeiro: Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro, 2010, p. 4.

Internet: www.emerj.tjrj.jus.br. (com adaptações).

Questão:

Conforme as ideias contidas no texto II, a fase jurisdicional da persecução penal tem início após o oferecimento da denúncia pelo promotor de justiça.

Resposta correta
Certa.
Resposta errada
Errada.

Comentários

Ainda não há comentários

Deixe o seu comentário aqui

Para comentar você precisa estar logado.
E-mail: Senha:

Não é cadastrado?

⇑ TOPO
Salvar Texto Selecionado

CONECTE-SE

Facebook
Twitter
E-mail

Copyright © Tecnolegis - 2010 - 2020 - Todos os direitos reservados.