ACESSE GRATUITAMENTE + DE 290.000 QUESTÕES DE CONCURSOS!

Informações da Prova Questões por Disciplina Downloads Ministério Público Estadual - Acre - Analista - Pericial - Engenharia Civil - FMP - Fundação Escola Superior do Ministério Público do RS - 2013 - Prova Objetiva

TEXTO 1

			01 				Não faz muito que temos esta nova TV com controle remoto, mas devo dizer que se trata
			02 		agora de um aparelho sem o qual eu não saberia viver. Passo os dias sentado na velha poltrona,
			03 		mudando de um canal para outro — uma tarefa que antes exigia certa movimentação, mas que
			04 		agora ficou muito fácil. Estou num canal, não gosto — zap, mudo para outro. Também não gosto
			05 		deste — zap, mudo de novo. Eu gostaria de ganhar em dólar o número de vezes que você troca de
			06 		canal em uma hora, diz minha mãe. Trata-se de uma fantasia, mas pelo menos indica disposição
			07 		para o humor, admirável nessa mulher.
			08 				Sofre, minha mãe. Sempre sofreu: infância carente, pai cruel etc. Mas o sofrimento
			09 		aumentou muito quando meu pai a deixou. Já faz tempo; foi logo que nasci, e estou agora com
			10 		treze anos. Uma idade em que se vê muita televisão, e em que se muda de canal constantemente...
			11 		Da tela, uma moça sorridente pergunta se o caro telespectador já conhece certo novo sabão em pó.
			12 		Não conheço nem quero conhecer, de modo que — zap — mudo de canal. "Não me abandone,
			13 		Mariana, não me abandone!" Abandono, sim, não suporto novelas: zap, e agora é um homem
			14 		falando. Um homem, abraçado _____ guitarra elétrica, fala a uma entrevistadora. É um roqueiro.
			15 		Aliás, é o que está dizendo, que é um roqueiro, que sempre foi e sempre será um roqueiro. Tal
			16 		veemência se justifica, porque ele não parece um roqueiro. É meio velho, tem cabelos grisalhos,
			17 		rugas, falta-lhe um dente. É o meu pai.
			18 				É sobre mim que fala. Você tem um filho, não tem?, pergunta a apresentadora, e ele,
			19 		meio constrangido, diz que sim, que tem um filho, só que não o vê há muito tempo. Hesita um
			20 		pouco e acrescenta: você sabe, eu tive de fazer uma opção, era a família ou o rock. A
			21 		entrevistadora, porém, insiste no assunto (é chata, ela): e o seu filho gosta de rock?
			22 				Ele se mexe na cadeira; o microfone, preso à camisa desbotada, produz um ruído
			23 		desagradável. Aí está: acaba num programa local e de baixíssima audiência, e ainda tem de passar
			24 		pelo vexame de uma pergunta que o embaraça... E então ele me olha. Vocês dirão que é para a
			25 		câmera que ele olha; aparentemente é isso, aparentemente ele está olhando para a câmera; mas é
			26 		para mim, na realidade, que ele olha, sabe que em algum lugar, diante de uma tevê, estou a fitar
			27 		seu rosto atormentado, as lágrimas me correndo pelo rosto; e no meu olhar ele procura _____
			28 		resposta _____ pergunta da apresentadora: você gosta de rock? Você gosta de mim? Você me
			29 		perdoa?
			30 				Mas então comete um erro: insensivelmente, automaticamente, seus dedos começam a
			31 		dedilhar as cordas da guitarra — é o vício do velho roqueiro, do qual ele nunca conseguiu se
			32 		livrar, nunca. Seu rosto se ilumina — refletores que se acendem? Ele vai dizer que sim, que seu
			33 		filho ama o rock tanto quanto ele... Nesse momento — zap — aciono o controle remoto.
 
								              

Adaptado de Moacyr Scliar, “Zap”. In Contos Reunidos, Companhia das Letras, São Paulo, 1995.

1 -

Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas das linhas 14, 27 e 28, respectivamente.

a)

a – à – à

b)

a – a – à

c)

à – à – a

d)

à – a – à

e)

à – à – à

2 -

Considere as seguintes afirmações sobre o texto de Scliar:

I. A mãe do rapaz tem uma “disposição para o humor” que ela própria acha “admirável” (l.06-07) diante da vida de sofrimentos que teve.

II. O narrador é um rapaz de 13 anos cujo pai diz ter abandonado a família porque teve “de fazer uma opção, era a família ou o rock” (l.20).

III. Quando o narrador diz que a entrevistadora “é chata” porque “insiste no assunto” (l.21), o assunto a que se refere é a carreira de rockeiro do pai.

Assinale a alternativa que aponta as afirmações que estão de acordo com o texto.

a)

Apenas I.

b)

Apenas II.

c)

Apenas III.

d)

Apenas I e II.

e)

Apenas II e III.

3 -

O texto de Scliar apresenta enunciados que:

1. ora são do narrador em reação a alguma fala de pessoas que aparecem na TV;

2. ora são, na imaginação do narrador, de pessoas na TV se dirigindo a ele;

3. ora são de pessoas da TV conversando entre si.

Agora, associe corretamente que tipos de enunciados são os abaixo listados:

(  ) Não conheço nem quero conhecer (l.11-12)

(  ) Abandono, sim (l.13)

(  ) você sabe, eu tive de fazer uma opção, era a família ou o rock (l.20)

(  ) você gosta de rock? Você gosta de mim? Você me perdoa? (l.28-29)

Assinale a alternativa que preenche corretamente, de cima para baixo, os parênteses.

a)

3 – 3 – 2 – 2

b)

1 – 3 – 2 – 1

c)

3 – 1 – 3 – 3

d)

1 – 1 – 3 – 2

e)

1 – 3 – 1 – 3

4 -

Considere as seguintes propostas de substituição de expressões do texto:

I. Estou num canal (l.04) pode ser substituída por Estou assistindo a um canal;

II. fazer uma opção (l.20) pode ser substituída por seguir meu caminho;

III. embaraça (l.24) pode ser substituída por entristece.

Quais propostas são corretas e conservam o sentido original do texto?

a)

Apenas I.

b)

Apenas II.

c)

Apenas I e III.

d)

Apenas II e III.

e)

I, II e III.

5 -

Assinale a alternativa que contém uma relação INCORRETA entre uma expressão e aquilo a que a expressão se refere.

a)

um aparelho (l.02) – a nova TV com controle remoto

b)

uma tarefa (l.03) – mudar de um canal para outro

c)

me (l.12) – o narrador do texto

d)

me (l.24) – o narrador do texto

e)

[d]o qual (l.31) – [d]o vício

6 -

Assinale a alternativa cuja a afirmação sobre o uso de sinais de pontuação está INCORRETA.

(Questão anulada)
a)

A omissão da vírgula depois de para o humor (l.07) alteraria o significado da frase.

b)

O ponto e vírgula da linha 09 poderia ser substituído por dois pontos.

c)

A omissão da vírgula depois de Da tela (l.10) alteraria o significado da frase.

d)

Com as devidas alterações de maiúsculas por minúsculas, o ponto final após um rockeiro (l.16) poderia ser substituído por dois pontos.

e)

A omissão da vírgula depois de velho roqueiro (l.31) alteraria o significado da frase.

7 -

Considere as seguintes propostas de reescrita de períodos extraídos ou adaptados do texto; nas propostas, há passagem do discurso direto para o indireto, ou vice-versa.

I. Eu gostaria de ganhar em dólar o número de vezes que você troca de canal em uma hora, diz minha mãe. (extraído das l.05-06)

Minha mãe disse que ela gostaria de ganhar em dólar o número de vezes que eu trocava de canal em uma hora.

II. Da tela, uma moça sorridente perguntava se o caro telespectador já conhecia o novo sabão em pó LIMPEX. (adaptado das l.10-11)

Da tela, uma moça sorridente perguntou: “Caro telespectador, você já tinha conhecido o novo sabão em pó LIMPEX?”

III. O rockeiro hesita um pouco e acrescenta: “Eu tive de fazer uma opção, era a família ou o rock.” (adaptado das l.19-20)

O rockeiro hesitou um pouco e acrescentou que tivera de fazer uma opção, era a família ou o rock.

Quais são as propostas corretas?

a)

Apenas I.

b)

Apenas II.

c)

Apenas III.

d)

Apenas I e III.

e)

Apenas II e III.

8 -

Considere as seguintes propostas de substituição de nexos do texto:

I. de mas (l.03) por porém;

II. de logo (l.09) por assim;

III. de aliás (l.15) por a propósito.

Quais são corretas e mantêm o sentido original do texto?

a)

Apenas I.

b)

Apenas II.

c)

Apenas I e II.

d)

Apenas II e III.

e)

I, II e III.

9 -

Assinale a alternativa cuja afirmação descreve corretamente a razão pela qual o vocábulo deve ser acentuado, de acordo com as regras de acentuação gráfica correntes da língua portuguesa.

a)

dólar (l.05) é acentuada porque se trata de uma palavra emprestada do inglês.

b)

admirável (l.07) é acentuada porque todas as palavras terminadas em –vel devem ser acentuadas.

c)

veemência (l.16) é acentuada porque se trata de proparoxítona terminada em ditongo.

d)

(l.19) é acentuada porque a pronúncia da vogal e é “fechada”, e não aberta, em cujo caso deveria ser grafada é.

e)

ruído (l.22) é acentuada porque a vogal i, quando tônica, deve ser acentuada se precedida de vogal, formando hiato.

10 -

Considere as seguintes propostas de alteração na ordem de expressões do texto.

I. [...] mas é para mim, na realidade, que ele olha. (l.25-26)

[...] mas, na realidade, é para mim que ele olha.

II. [...] insensivelmente, automaticamente, seus dedos começam a dedilhar as cordas da guitarra

[...] (l.30-31) [...] seus dedos começam a dedilhar insensivelmente, automaticamente, as cordas da guitarra [...]

III. [...] seu filho ama o rock tanto quanto ele... (l.32-33)

[...] seu filho ama tanto o rock quanto ele...

Quais são as propostas que conservam, sem ambiguidade, o sentido original do texto?

a)

Apenas I.

b)

Apenas II.

c)

Apenas III.

d)

Apenas I e II.

e)

Apenas II e III.

« anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 próxima »

Marcadores

Marcador Verde Favorita
Marcador Azul Dúvida
Marcador Amarelo Acompanhar
Marcador Vermelho Polêmica
Marcador Laranja  Adicionar

Meus Marcadores

Fechar
⇑ TOPO
Salvar Texto Selecionado

CONECTE-SE

Facebook
Twitter
E-mail

Copyright © Tecnolegis - 2010 - 2019 - Todos os direitos reservados.