ACESSE GRATUITAMENTE + DE 450.000 QUESTÕES DE CONCURSOS!

Informações da Prova Questões por Disciplina Downloads Enem - Exame Nacional do Ensino Médio - Vestibular - Prova 2 - Linguagens, Matemática, Códigos e suas Tecnologias - ENEM - INEP - MEC - 2015 - 2.º dia - (questões 91 a 180)

1 -
My brother the star, my mother the earth
 my father the sun, my sister the moon,
	to my life give beauty, to my
  body give strength, to my corn give
 goodness, to my house give peace, to
  my spirit give truth, to my elders give
		wisdom.

Disponível em: www.blackhawkproductions.com. Acesso em: 8 ago. 2012.

Produções artístico-culturais revelam visões de mundo próprias de um grupo social. Esse poema demonstra a estreita relação entre a tradição oral da cultura indígena norte-americana e a

a)

transmissão de hábitos alimentares entre gerações.

b)

dependência da sabedoria de seus ancestrais.

c)

representação do corpo em seus rituais.

d)

importância dos elementos da natureza.

e)

preservação da estrutura familiar.

2 -

RIDGWAY, L. Disponível em: http://fborfw.com. Acesso em: 23 fev. 2012.

Na tira da série For better or for worse, a comunicação entre as personagens fica comprometida em um determinado momento porque

a)

as duas amigas divergem de opinião sobre futebol.

b)

uma das amigas desconsidera as preferências da outra.

c)

uma das amigas ignora que o outono é temporada de futebol.

d)

uma das amigas desconhece a razão pela qual a outra a maltrata.

e)

as duas amigas atribuem sentidos diferentes à palavra season.

3 -

Why am I compelled to write? Because the writing saves me from this complacency I fear. Because I have no choice. Because I must keep the spirit of my revolt and myself alive. Because the world I create in the writing compensates for what the real world does not give me. By writing I put order in the world, give it a handle so I can grasp it.

ANZALDÚA, G. E. Speaking in tongues: a letter to third world women writers. In: HERNANDEZ, J. B. (Ed.).

Women writing resistance: essays on Latin America and the Caribbean. Boston: South End, 2003.

Gloria Evangelina Anzaldúa, falecida em 2004, foi uma escritora americana de origem mexicana que escreveu sobre questões culturais e raciais. Na citação, o intuito da autora é evidenciar as

a)

razões pelas quais ela escreve.

b)

compensações advindas da escrita.

c)

possibilidades de mudar o mundo real.

d)

maneiras de ela lidar com seus medos.

e)

escolhas que ela faz para ordenar o mundo.

4 -

How fake images change our memory and behaviour

For decades, researchers have been exploring just how unreliable our own memories are. Not only is memory fickle when we access it, but it's also quite easily subverted and rewritten. Combine this susceptibility with modern image-editing software at our fingertips like Photoshop, and it's a recipe for disaster. In a world where we can witness news and world events as they unfold, fake images surround us, and our minds accept these pictures as real, and remember them later. These fake memories don't just distort how we see our past, they affect our current and future behaviour too – from what we eat, to how we protest and vote. The problem is there's virtually nothing we can do to stop it.

Old memories seem to be the easiest to manipulate. In one study, subjects were showed images from their childhood. Along with real images, researchers snuck in manipulated photographs of the subject taking a hotair balloon ride with his or her family. After seeing those images, 50% of subjects recalled some part of that hot-air balloon ride – though the event was entirely made up.

EVELETH, R. Disponível em: www.bbc.com. Acesso em: 16 jan. 2013 (adaptado).

A reportagem apresenta consequências do uso de novas tecnologias para a mente humana. Nesse contexto, a memória das pessoas é influenciada pelo(a)

a)

alteração de imagens.

b)

exposição ao mundo virtual.

c)

acesso a novas informações.

d)

fascínio por softwares inovadores.

e)

interferência dos meios de comunicação.

5 -

Transportation Security Administration. Disponível em: www.tsa.gov. Acesso em: 13 jan. 2010 (adaptado).

As instituições públicas fazem uso de avisos como instrumento de comunicação com o cidadão. Esse aviso, voltado a passageiros, tem o objetivo de

a)

solicitar que as malas sejam apresentadas para inspeção.

b)

notificar o passageiro pelo transporte de produtos proibidos.

c)

informar que a mala foi revistada pelos oficiais de segurança.

d)

dar instruções de como arrumar malas de forma a evitar inspeções.

e)

apresentar desculpas pelo dano causado à mala durante a viagem.

6 -

Dia do Músico, do Professor, da Secretária, do Veterinário... Muitas são as datas comemoradas ao longo do ano e elas, ao darem visibilidade a segmentos específicos da sociedade, oportunizam uma reflexão sobre a responsabilidade social desses segmentos. Nesse contexto, está inserida a propaganda da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), em que se combinam elementos verbais e não verbais para se abordar a estreita relação entre imprensa, cidadania, informação e opinião. Sobre essa relação, depreende-se do texto da ABI que,

a)

para a imprensa exercer seu papel social, ela deve transformar opinião em informação.

b)

para a imprensa democratizar a opinião, ela deve selecionar a informação.

c)

para o cidadão expressar sua opinião, ele deve democratizar a informação.

d)

para a imprensa gerar informação, ela deve fundamentar-se em opinião.

e)

para o cidadão formar sua opinião, ele deve ter acesso à informação.

7 -

O rap, palavra formada pelas iniciais de rhythm and poetry (ritmo e poesia), junto com as linguagens da dança (o break dancing e das artes pçásticas (o grafite), seria difundido, para além dos guetos, com o nome de cultura hip hop. O break dancing surge como uma dança de rua. O grafite nasce de assinaturas inscritas pelos jovens com sprays nos muros, trens e estações de metrô de Nova York. As linguagens do rap, do break dancing e do grafite se tornaram os pilares da cultura hip hop.

DAYRELL, J. A música entra em cena: o rap e o funk na socialização da juventude. Belo Horizonte: UFMG, 2005 (adaptado).

Entre as manifestações da cultura hip hop apontadas no texto, o break se caracteriza como um tipo de dança que representa aspectos contemporâneos por meio de movimentos

a)

retilíneos, como crítica aos indivíduos alienados.

b)

improvisados, como expressão da dinâmica da vida urbana.

c)

suaves, como sinônimo da rotina dos espaços públicos.

d)

ritmados pela sola dos sapatos, como símbolo de protesto.

e)

cadenciados, como contestação às rápidas mudanças culturais.

8 -

Primeiro surgiu o homem nu de cabeça baixa. Deus veio num raio. Então apareceram os bichos que comiam os homens. E se fez o fogo, as especiarias, a roupa, a espada e o dever. Em seguida se criou a filosofia, que explicava como não fazer o que não devia ser feito. Então surgiram os números racionais e a História, organizando os eventos sem sentido. A fome desde sempre, das coisas e das pessoas. Foram inventados o calmante e o estimulante. E alguém apagou a luz. E cada um se vira como pode, arrancando as cascas das feridas que alcança.

BONASSI, F. 15 cenas do descobrimento de Brasis. In: MORICONI, Í. (Org.). Os cem melhores contos do século. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

A narrativa enxuta e dinâmica de Fernando Bonassi configura um painel evolutivo da história da humanidade. Nele, a projeção do olhar contemporâneo manifesta uma percepção que

a)

recorre à tradição bíblica como fonte de inspiração para a humanidade.

b)

descontrói o discurso da filosofia a fim de questionar o conceito de viver.

c)

resgata a metodologia da história para denunciar as atitudes irracionais.

d)

transita entre o humor e a ironia para celebrar o caos da vida cotidiana.

e)

satiriza a matemática e a medicina para desmistificar o saber científico.

9 -

Cântico VI

Tu tens um medo de
Acabar.
Não vês que acabas todo o dia.
Que morres no amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que te renovas todo dia.
No amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que és sempre outro.
Que és sempre o mesmo.
Que morrerás por idades imensas.
Até não teres medo de morrer.
E então serás eterno.

MEIRELES, C. Antologia poética. Rio de Janeiro: Record, 1963 (fragmento).

A poesia de Cecília Meireles revela concepções sobre o homem em seu aspecto existencial. Em Cântico VI, o eu lírico exorta seu interlocutor a perceber, como inerente à condição humana,

a)

a sublimação espiritual graças ao poder de se emocionar.

b)

o desalento irremediável em face do cotidiano repetitivo.

c)

o questionamento cético sobre o rumo das atitudes humanas.

d)

a vontade inconsciente de perpetuar-se em estado adolescente.

e)

um receio ancestral de confrontar a imprevisibilidade das coisas.

10 -

Essa pequena

Meu tempo é curto, o tempo dela sobra
Meu cabelo é cinza, o dela é cor de abóbora
Temo que não dure muito a nossa novela, mas
Eu sou tão feliz com ela
Meu dia voa e ela não acorda
Vou até a esquina, ela quer ir para a Flórida
Acho que nem sei direito o que é que ela fala, mas
Não canso de contemplá-la
Feito avarento, conto os meus minutos
Cada segundo que se esvai
Cuidando dela, que anda noutro mundo
Ela que esbanja suas horas ao vento, ai
Às vezes ela pinta a boca e sai
Fique à vontade, eu digo, take your time
Sinto que ainda vou penar com essa pequena, mas
O blues já valeu a pena

CHICO BUARQUE. Disponível em: www.chicobuarque.com.br. Acesso em: 31 jun. 2012.

O texto Essa pequena registra a expressão subjetiva do enunciador, trabalhada em uma linguagem informal, comum na música popular. Observa-se, como marca da variedade coloquial da linguagem presente no texto, o uso de

a)

palavras emprestadas de língua estrangeira, de uso inusitado no português.

b)

expressões populares, que reforçam a proximidade entre o autor e o leitor.

c)

palavras polissêmicas, que geram ambiguidade.

d)

formas pronominais em primeira pessoa.

e)

repetições sonoras nos finais dos versos.

« anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 próxima »

Marcadores

Marcador Verde Favorita
Marcador Azul Dúvida
Marcador Amarelo Acompanhar
Marcador Vermelho Polêmica
Marcador Laranja  Adicionar

Meus Marcadores

Fechar
⇑ TOPO
Salvar Texto Selecionado

CONECTE-SE

Facebook
Twitter
E-mail

Copyright © Tecnolegis - 2010 - 2019 - Todos os direitos reservados.